Tesouro Direto é mesmo um bom negócio? Saiba tudo!

Educação Financeira 22/02/2017 | 9:21

O que é o Tesouro Direto?

O Tesouro Direto é um programa do Tesouro Nacional destinado à negociação de títulos públicos com pessoas físicas pela internet. Para ter acesso a esses títulos, você precisa estar vinculado a uma instituição financeira habilitada a operar com o Tesouro Direto, que fará o seu cadastro na BM&F Bovespa.

Quer investir em Tesouro Direto? #contacomagente!

Tesouro Direto

Mas, afinal, o que são títulos públicos? São títulos de Renda Fixa emitidos pelo Governo Federal. Vamos por partes:

Renda Fixa: dizer que um investimento é de “Renda Fixa” – como no caso do Tesouro Direto, do CDB e da LCI – significa que, no momento da aplicação, já é possível calcular quanto o seu dinheiro renderá, diferentemente de títulos de Renda Variável, como as ações.

Títulos Públicos: quando você investe em Tesouro Direto, você compra um título público. Ou seja, empresta dinheiro para o governo e recebe no futuro uma remuneração por este empréstimo, ganhando o que emprestou mais juros.

Rentabilidade dos Títulos Públicos – Você pode consultar a tabela de rentabilidade dos Títulos Públicos atualizada aqui!

Por que investir em Tesouro Direto

Você já deve ter ouvido falar que Tesouro Direto é o investimento mais seguro. E é verdade. Se o mundo dos investimentos é um mistério pra você ou se você tem um perfil mais conservador, o Tesouro Direto é um jeito simples e seguro de investir.

É seguro porque: os títulos públicos são considerados os ativos com menor risco em uma economia.

Ficou mais simples porque: antes do Tesouro Direto, pessoas físicas só tinham acesso aos títulos públicos por meio de fundos de Renda Fixa que cobravam elevadas Taxas de Custódia, especialmente em aplicações de baixo valor. Hoje, o acesso aos títulos públicos está mais simples e democrático.

Com o Intermedium ficou melhor ainda: aqui no Intermedium, você investe no Tesouro Direto a partir de R$30 com o auxílio dos nossos consultores especialistas, sem pagar nada a mais por isso. Não cobramos “Taxa de Custódia do Banco”, também chamada de “Taxa de Administração”, geralmente cobrada pelos bancos nesse tipo de operação. Sobre o seu investimento incidirão somente as cobranças obrigatórias estabelecidas pelo Tesouro Nacional: Imposto de Renda, Taxa de Custódia da BM&F Bovespa e IOF (apenas no caso de saques em prazos inferiores a 30 dias).

Como investir no Tesouro Direto

Com a Conta Digital Intermedium você pode investir no Tesouro Direto a partir de R$30,00, sem taxas por parte do Banco Intermedium. Ainda não tem sua conta? Abra a sua Conta Digital Intermedium agora!

Tesouro Direto - Como investir

Se você já tem Conta Digital Intermedium e precisar de uma ajudinha para decidir em qual título do Tesouro Direto investir, pode fazer o teste de “Perfil do Investidor” pelo Internet Banking. E #Contacomagente pra te ajudar a tomar a melhor decisão. Basta falar com um de nossos consultores especializados, pelos canais oficiais de atendimento do Intermedium:

 

Convide um amigo
para conhecer a
Conta Digital do Banco Inter