A Black Friday é uma tradição norte americana, que acontece um dia após o Dia de Ação de Graças. Na data, tudo entra em oferta: roupas, eletrônicos, acessórios.

A data é uma super promoção que nasceu com o objetivo de inaugurar o período de compras natalinas do país, mas nos últimos tempos ganhou força mundial com o surgimento dos e-commerces – e os brasileiros adoraram a ideia.

Além da grande gama de ofertas on-line, muitas lojas do nosso país aderiram à Black Friday.

Novembro ja virou sinônimo de promoção para os brasileiros, mas é preciso tomar cuidado na hora de usar e abusar do cartão de crédito.

E para você aproveitar a Black Friday sem se endividar, listamos algumas atitudes importantes. Continue a leitura e confira!

5 passos para aproveitar a Black Friday sem se endividar:

Faça uma reserva financeira

Se você já tem planos para novembro e sabe que vai usar seu cartão de crédito, que tal já ir poupando para não se endividar depois?

Faça um calculo aproximado de quanto pretende gastar e reserve, pelo menos, parte do valor na sua poupança. Assim, quando a fatura chegar será muito mais fácil quitá-la, além ter deixado seu dinheiro render.

Compare os preços

O primeiro passo para controlar a fatura do cartão de crédito na época em que várias promoções estão saltando em frente aos olhos é analisar se a compra vale a pena.

Muitas vezes, lojas anunciam que estão participando da Black Friday mas nem todos seus produtos estão em promoção. Confira sempre!

E para achar a melhor oferta para o produto que você precisa, já existem sites que fazem  a comparação de preços.

Atenção para pequenos gastos

Sabe aquele batom que estava na promoção? Ou as caixas de cerveja que você nem pensava em comprar, mas que saíram com desconto no supermercado?

Estes pequenos gastos passam despercebidos e podem ser responsáveis por uma fatura assustadora ao fim do mês.

Não se deixe encantar pelas ofertas, compre o que você realmente precisa.

Evite parcelar

Poder parcelar uma compra é uma das grandes vantagens do cartão de crédito. Mas o parcelamento deve ser usado com cautela.

Para momentos como a Black Friday, em que o consumidor quer fazer varias compras, dividir os valores pode causar descontrole financeiro.

Muitas compras parceladas parecem ser pequenos valores, mas ao final do mês somam uma quantia muito alta para quitar.

Pague o valor total da fatura

Depois de fazer todas as compras e aproveitar os descontos da data, chegou a hora de pagar. A melhor sugestão para este momento é quitar integralmente a fatura do cartão de crédito. 

Quem opta por pagar apenas o valor mínimo da fatura paga juros nas parcelas seguintes. Assim, a compra que antes era vantajosa por causa do desconto acaba saindo mais cara.

Viu como da para se programar e aproveitar a Black Friday sem passar sufoco quando a fatura chegar?

Aproveite o mês de outubro para criar uma reserva financeira, faça sua primeira aplicação na Poupança pelo App ou Internet Banking, na aba investimentos.