Pensando em adquirir um imóvel? Saiba como planejar a compra

Crédito Consciente 22/12/2017 | 7:35

Comprar um imóvel envolve muito dinheiro e exige um comprometimento de longo prazo, principalmente se você for financiá-lo. Pretende realizar o sonho da casa própria, mas não sabe por onde começar? Então confira as dicas abaixo e saiba como planejar a compra de um imóvel.

Comece a poupar

Antes de sair por aí visitando casas e apartamentos, conheça bem seus hábitos financeiros. Se você pretende assumir um financiamento de 10 ou 20 anos, mas nunca conseguiu fazer sobrar dinheiro no fim do mês, talvez seja a hora de repensar seu orçamento doméstico.

Corte o que for possível e comece a poupar. Afinal, se você não consegue economizar hoje, dificilmente conseguirá fazer isso sem antes mudar seus hábitos e reorganizar sua vida financeira. E não se deixe enganar pela ideia de que “quando tiver parcelas a pagar, conseguirá se planejar melhor”.

Pense nas suas necessidades atuais e futuras

Você já administra bem os seus rendimentos e tem uma reserva para emergências? Muito bem! Pode sonhar com a casa própria. Mas vá com calma e tenha os pés no chão. Avalie suas necessidades atuais e considere os planos para o futuro: em que região gostaria de morar? Você continua se vendo naquela área daqui a 10 anos? Pretende ter filhos? Quantos carros você e sua família terão?

Essas e outras perguntas o ajudarão a chegar a um modelo de residência que atenderá aos seus padrões. O ideal é que você faça essa análise antes de sair pesquisando na internet. Depois de ver aquele apartamento dos sonhos (mas que ainda não está ao seu alcance), isso talvez influencie de forma negativa na hora de avaliar opções que estão dentro do seu orçamento atual.

Faça um ótimo planejamento financeiro

Este ponto é importantíssimo. Avalie bem o seu orçamento familiar, sua reserva financeira, a rentabilidade dos seus investimentos e as suas perspectivas profissionais. Vale lembrar que nem sempre as carreiras seguem uma trajetória constante de crescimento. Imprevistos acontecem e é fundamental que você tenha uma reserva para evitar dificuldades na hora de quitar as parcelas do financiamento.

Dois investimentos interessantes para quem está juntando recursos para emergências são o Tesouro Direto e os CDBs de liquidez diária. Essas aplicações oferecem uma boa rentabilidade e podem ser resgatadas diariamente. E você pode começar a investir com apenas R$ 30,00!

Depois de conhecer bem a sua capacidade financeira, chegou a hora de fazer uma simulação de financiamento imobiliário para entender melhor o quanto precisará investir. Lembre-se que, quanto maior a entrada, menores as parcelas.

No Banco Inter, você pode solicitar uma simulação gratuita de crédito imobiliário, 100% on-line. É só clicar aqui.

Pesquise, pesquise e pesquise novamente

Já imaginou comprar um apartamento e descobrir, no dia da mudança, que o seu carro não cabe na vaga? Pode parecer exagero, mas algumas pessoas acabam deixando a negociação apenas nas mãos da imobiliária e se esquecem de conferir questões básicas.

Achar um imóvel é uma tarefa que exige muita organização e persistência. Não se contente só com as opções que o corretor oferece, ou com os resultados das buscas pela internet. Visite a região, observe as ofertas disponíveis e a infraestrutura do bairro. Se puder, vá aos endereços em diferentes horários do dia para conhecer a rotina do local.

Por fim, tenha em mente que encontrar o imóvel perfeito e que atende a todos as suas exigências é tarefa quase impossível. Escolha suas prioridades e esteja disposto a abrir mão de algumas características.

Analise com olhos de investidor

Quando estamos buscando a casa dos nossos sonhos, é fácil se deixar seduzir por aquele apartamento que parece ser “tudo o que você sempre quis”. Mas é fundamental analisar com cuidado e com os olhos de um investidor.

Um imóvel pode parecer ideal até você descobrir que ele precisará de um reparo estrutural, ou que a região está se desvalorizando, por exemplo. Vá além das informações da internet: pesquise o histórico de preço por metro quadrado, a data de construção do empreendimento, a infraestrutura (supermercados, restaurantes etc.), o índice de crimes na região, entre outras variáveis.

Existem vários sites que disponibilizam dados sobre o  mercado imobiliário e irão auxiliá-lo a conhecer o preço médio e o histórico de valorização dos imóveis situados no local onde você pretende morar. Aproveite essas informações para reunir dados úteis não só para a decisão, mas para o momento de negociar a compra.

Agora que você já sabe como planejar a compra do seu imóvel, #Contacomagente! Conheça o crédito imobiliário do Banco Inter e realize o sonho da casa própria.